Seja bem vindo

Quando o dia amanhece Deus abençoa a todos, quando a noitece Deus dar o descanso para o corpo, mas mantém seu espirito em vigilancia. Permaneça firme em tudo que deseja realizar com fé e segurança.

Pesquisar este blog

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

PREFEITO DA CIDADE DE CARPINA EM PERNAMBUCO DESCUMPRE A CORDO  -TAC- COM O MINISTÉRIO PÚBLICO 2ª PROMOTORIA DE JUSTIÇA E SINDICATO DA CATEGORIA DE PROFESSORES DA REDE PÚBLICA MUNICIPAL

No dia 17 de agosto de 2012, o prefeito da cidade de Carpina - Manuel Severino da Silva, conhecido como Botafogo, descumpre o Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta, firmado na presença da promotora -Bel. Drª Kilvia, da presidente do Sindicato da categoria de professores - Profª Maria das Merces Silveira, da secretaria de educação - Srª Profª Suzana ,do Contador - Sr Ivaldeci Hipólito e das advogadas do Sinsemuc Bel drª Sandra e Drª Susi, da advogada Bel Drª Bianca da prefeitura que representou o prefeito por procuração e, dos conselheiros do FUNDEB e da comissão de professores.

No dia 31 de agosto a prefeitura realiza o pagamento dos professores descumprindo o TAC firmado e assinado na Promotoria Pública  de Pernambuco - 2ª Promotoria de Justiça em Carpina. 
Os professores foram ao banco receber seu proventos certo de que iria recebe corretamente como determina a Legislação em vigor e tomaram um baita de um susto quando fizeram o saque de seus proventos e de imediato procuram a sua entidade de classe para informar do descumprimento do gestor público do município do Carpina onde diz que no final do mês estaria efetivando o pagamento na forma da Lei e o retroativo seria pago em seis parcelas, iniciando a 1ª parcela no mês de novembro do ano em curso. Dá para acreditar!

A presidente do sindicato Srª Profª Maria das Merces Silveiras da uma ligeira entrevista ao Programa de rádio - Programa Dizendo Tudo - radialista Francisco Junior , que estava surpresa com  a informação dos fato que está ocorrendo no município do Carpina.  Pede apoio a rádio, para divulgar o informativo que vai circular nos meios de comunicação volante, convocando todos os professores para uma assembléia no dia 5 de setembro as 9h (nove horas) da manhã para tomar uma decisão sobre o assunto em tela. 
A presidente do SINSEMUC Srª Profª Maria das Merces Silveira, no horário da tarde despachou um Oficio de nº194/2012 que foi encaminha a 2ª Promotoria de Justiça, solicitando uma audiência com MP para informar das medidas que deverão ser adotadas em assembléia que realizará no dia 5 de setembro como também saber qual o posicionamento dessa promotoria de justiça sobre o assunto em tela.

A população de Carpina será informada  através dos meios de comunicação volante do desmando do governo municipal no que diz respeito ao descumprimento do reajuste salarial da categoria de professores e pedirá apoio de todos, entre outras.

Os professores da rede pública municipal de Carpina, estão todos revoltados, indignados pelo descumprimento do TAC firmado no Ministério Público da 2ª Promotoria de Justiça em Carpina. Há especulação de que os professores e já pensam não participar dos desfile cívico municipal que comemora a Independência da República e no dia 11 de setembro desfilar todos de blusas pretas em protesto ao desmando administrativo do governo municipal se não pagarem a diferença antes do dia 7 de setembro.

O dever do professor é ensinar, educar e formar cidadãos para o mercado de trabalho e uma sociedade, mais justas. O professor não deve ser desrespeitado, desvalorizados e desmotivados. O professor deve ser motivado para contribuir com uma educação de qualidade para uma sociedade mais justa e digna de poder competir em igualdade no mercado de mão de obras qualificadas atendendo as exigência das empresas que contratam profissionais qualificados com uma boa formação educacional.
Os professores estão disposto a cumprir deveres e direitos, mas não estão disposto a ser desvalorizado com um salário que não condiz com sua formação.

Educação de qualidade se faz com dignidade, com amor, com humildade, com sabedoria, com respeito onde todos possam dar as mãos e forma uma corrente de formação onde a criança, o adolescente, os pais e mães de família possam passar para seus filhos que teve uma educação de qualidade por que o gestor de sua cidade contribuiu para esse fim.

O governo das entes municipais, estaduais e federal gasta muito dinheiro público com propagandas enganosas nos meios de comunicações dizendo que o ESTADO e a NAÇÃO  oferece ensino público de qualidade para a sociedade e quando nós chegamos nas escolas a realidade é outra.. Os recursos públicos chegam mas não aplicados de forma correta. 

Se você é pai, é mãe e for visitar as escolas públicas dos municípios, você vai ver a decadência da infra estrutura. Tem escolas que receberam computadores para ser instalado em laboratório de informática e os mesmos ainda estão lacrado nas caixas por quê o gestor público não ter favorecido a secretaria de educação a construir salas específicas para a implantação  desses laboratórios de informática. Já outras escolas possui o laboratório de informática  e muitos não funcionam por falta de manutenção. Alguns computadores estão encostado por falta de manutenção, por o gestor público não fazer licitação de empresas para recuperálas e botar para funcionar e atender a necessidade da escola fazer manutenção periódica.

O resultado da falta de valorização dos profissionais do magistério em Carpina, levou o município não atingir a média do IDEB  determinado pelo o MEC para o exercício de 2011. Profissionais valorizado faz com que uma rede pública cresça caso contrario fica estável e não progride.

O município de Carpina adere ao Projeto Escola Aberta oferecendo curso básicos de infomática, artes entre outras. as escola que vão participar desse projeto a princípio são as escola que já possui o Projeto Mais Educação. As demais que estão inciando o projeto Mais Educação participará do projeto Escola Aberta no exercício de 2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marcadores